Buddhjahbbha > Jahbbha > Dada


Qualidade que engravida coisas ordinárias com significado para o Buddhjahbbhaísta, não importando o valor que tem pros outros.


"Bem-vindos potenciais iniciados! Lembrem-se disso nos próximos trinta minutos"


- Bab?


- Bab?


"A mensagem agora é parte e registrada em sua mente subconsciente, toda vez que disser, ver, ouvir ou pensar


- Bab?

- ...

- E quanto a Folga?


Essa é a sua frase chave.


Isso vai acionar toda a mensagem sem que você perceba"


Nós não temos garantia por quanto tempo o real (enquanto lugar comum do tédio e do desagradável), vai permanecer parecendo real.


Responderépreencheralgumaprateleira.Porvezes,asprateleirassãoinvisíveis.Ouinexistentes.


"Se me fosse acresentados anos de vida, dedicaria-os ao estudo de Buddhjahbbha!" Sábio dos Nove

(...)


Não estamos numa realidade a qual existe algo chamado imaginação, o que é chamado realidade é que está na Imaginação.

Imagem Nação; o Real é Real. Tem um Rei na semântica.

(...)


夢 As cordas de minha harpa são as cercas de meu sonho. O agora, uma bússola diante dois reis. 琴

(...)


Oh! Lê pseudo odu espelho

A palavra Eu está sendo lida agora.

Entre

Estão aguardando

Veja que Beleza essa casa!

Que bom que estão todos aqui!

Sendo ou não sendo vai dar igual.

"Demore" o que "demorar".

É mais rápido que a velocidade da luz.

Prefira o que escolher.

Toque!

Como a Poesia está se escrevendo agora?

(...)


XL

Cada palavra lavra, já vêm até com pá, podem ter inúmeras parábolas em si próprias & além de vários empregos, também vendem parabólicas; cada letra, sinal, traço ou até o espaço, tem multidões dentro. As que ainda não conseguimos acolher, fogem por bilhões de bocas, nervos e mãos; usadas, rasgadas, sem ninguém dentro; cansadas de serem reduzidas, contudo, ainda sonham.


XLIX

O Nada nada no nada

O Nada anda.


LXI

Antigos. Sonhos de Azathoth.

Após sonhar a personificação de Nada.

Azathoth é sonho de Bab.

Um dia, se reúnem,

Os primeiros & seus filhos

Uma arquitetura estranha ao fundo.

Proferem palavras,

Algo se estende do corpo de cada um

E se une

Formando a Dîeamneade*.

Surge Heuris & então Moenha,

Zao IV, AAA, os Mestres,

Só depois veio os deuses,

Além dos que estão além dos deuses.

Então os discípulos dos deuses

E os discípulos dos discípulos dos deuses,

E outros discípulos.

Hoje, quase todos velhos

E interespaciais.

Eremitas bestiais já andavam

Antes do primeiro primata.

* Nome do sistema solar dîeamneaus.


LXII

Tijolos de muletas. Descida decida. Há partes do texto ocultas, que só podem serem ditas pela boca. Quando escrito respira.


LXIII

Se "leu" desleia.

Se achou que "entendeu",

Desentenda. Atinja um Dessaber.

Talvez assim consiga ler & entender

Além dos limites,

O que fará que realmente

Encontre os poderes sobrenaturais.




:3./